terça-feira, Agosto 19, 2014

Porque hoje é Dia Mundial da Fotografia


Kodak Brownie - o famoso modelo "caixote" - Colecção particular @RiodasMaçãs


O Dia Mundial da Fotografia comemora-se anualmente a 19 de Agosto.

Origem da data

A celebração da data tem origem na invenção do daguerreótipo, um processo fotográfico desenvolvido por Louis Daguerre em 1837.
Mais tarde, em Janeiro de 1839, a Academia Francesa de Ciências anunciou a invenção do daguerreótipo e a 19 de Agosto do mesmo ano o Governo francês considerou a invenção de Daguerre como um presente "grátis para o mundo".
Outro processo fotográfico - o calótipo, inventado também em 1839 por William Fox Talbot, fez com que o ano de 1839 fosse considerado o ano da invenção da fotografia.

Sobre Kodak Brownie
"Em 1895, Eastmen introduziu no mercado uma câmara mais pequena (media 10 cm de altura), chamada Pocket Kodak, que foi a primeira câmara produzida em massa. Só no primeiro ano venderam-se 100.000 unidades, o que era notável para a época.Em 1900 a Eastman Kodak  lançou a Brownie, talvez a máquina fotográfica mais célebre na história, pois tornou a fotografia um meio de registo ao alcance de toda a gente. A Brownie proporcionava fotografias de qualidade (para a época), no formato 6x6 cm, sobre rolo de filme em cassete "

texto sobre a Kodak Brownie retirado daqui

domingo, Agosto 17, 2014

Uma tarde na Festa de São Mamede

Tarde de Domingo, nas Festas de São Mamede, em Janas, que segundo a tradição, obriga os participantes  nas cerimónias religiosas, a darem três voltas à capela circular.



Excerto de um texto do Dr. Fernando Castelo-Branco," Vestígio do culto de Diana em Portugal" :

 (...) Uma das mais curiosas dessas festividades e que melhor evidencia a sobrevivência do culto da deusa é a de S. Mamede de Janas. Trata-se duma romaria que se realiza na ermida de S. Mamede, na povoação de Janas, a cerca de 3,5 k. ao norte de Colares, nos dias 15 e 16 de Agosto de cada ano. Os lavradores da região, e mesmo das zonas mais afastadas, como por exemplo de Torres Vedras, aparecem aí nesses dias, acompanhados do seu gado – bois, burros e cavalos – e até de animais domésticos. Chegam em geral pela manhã, dão três voltas à igreja no sentido inverso ao dos ponteiros do relógio e vão depois descansar. Antigamente entravam mesmo dentro da igreja com o gado.
À tarde fazem o pagamento das promessas e recebem então as fitas coloridas com que enfeitam o gado e o ex-voto que vão colocar junto da imagem de S. Mamede. (...)
Ler mais -aqui


Cerimónia da benção dos animais




sábado, Agosto 16, 2014

Cabo da Roca - a propósito de uma reportagem no jornal Expresso

Uma reportagem no Expresso, chamou a atenção para a imprevidência que alguns visitantes ao Cabo da Roca, praticam para obter fotos de melhores ângulos, do ponto mais ocidental do Continente Europeu. A tragédia que aconteceu recentemente naquele local, será um aviso para o risco que se corre quando ultrapassamos regras, que colocam em perigo as nossa vidas.



Chamamos também  a atenção,  na primeira foto, para  a desagradável imagem,  do Farol do Cabo da Roca, com a torre metálica de 45 metros, instalada pelo MAI em  Agosto do ano passado, desrespeitando normas e legislação para aquele local  protegido, do Parque Natural Sintra-.Cascais - e que parece não preocupar ninguém.



No Jornal Expresso:

"O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

|


Foto Expresso ver mais fotos :aqui



Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens."
Ler mais: http://expresso.sapo.pt/o-cabo-da-roca-depois-da-tragedia-que-matou-casal-polaco=f885845#ixzz3AIuDzSZQ


Outros momentos que fomos fotografando:

sexta-feira, Agosto 15, 2014

Andorinhas de Colares

Foto em 15/08/2014
 Existem muitas espécies de andorinhas. As que costumam as que nos visitam durante a Primavera e o Verão, passam o Outono e o Inverno na África, onde há mais calor.



No início de Setembro, a maioria das andorinhas prepara-se para a migração, no entanto, algumas poderão ficar na Europa até Outubro.
A viagem de regresso a África demora cerca de seis semanas. Andorinhas de diferentes partes da Europa voam para diferentes destinos.

 As nossas andorinhas deverão seguir pelo sul de Portugal, em direcção a Marrocos, antes de atravessar o Deserto do Sahara, a floresta tropical do Congo, chegando finalmente à Namíbia e à África do Sul.








quinta-feira, Agosto 14, 2014

Um lugar para tomar café com versos de José Fernandes Badajoz


No mesmo local onde existiu uma escola primária, (inaugurada em 31 de  Janeiro de 1940), nasceu  recentemente,  no Mucifal, um espaço onde se pode beber café, olhar  para as Azenhas do Mar, e ler poesia do Poeta Cavador.


"Tu és bem portuguesa.
 Ó Azenhas do Mar,
 E a tua singeleza
 Desperta quem passar."

José Fernandes Badajoz





*Sobre o posto escolar do Mucifal:

 
*Sobre José Fernandes Badajoz:
 
 
 
 
 

quarta-feira, Agosto 13, 2014

O outro lado do cartaz das Festas de Colares

Um cartaz deste ano, que anuncia a Festa de Nossa Senhora da Assunção em Colares, utiliza uma foto do coreto de Colares - foto da festa de Agosto de 2011. O fotografado  de costas, Caínhas, baterista dos Diamantes Negros, que este ano comemoram o 50º Aniversário, deixou-nos  o seguinte comentário:

"De costas, mas inconfundívelmente é uma foto dos Diamantes que faz o fundo dos cartazes das Festas da Sr.ª da Assunção.
Festas pelas quais nutrimos muita simpatia."


 
O outro lado do cartaz

Actuação dos Diamantes Negros em Colares em 15 de Agosto 2011





Programa da Festa de Colares 2014