quinta-feira, junho 30, 2016

Encontro de Culturas na Quinta da Ribafria

Ribafria229062016blog.jpg
Desde ontem e até 3 de Julho acontece na Quinta da Ribafria, em Sintra, o evento: Encontro de Culturas - onde estão representadas todas as cidades com as quais Sintra tem acordos de geminação e cooperação.
Ribafria129062016blogjpg.jpg
No primeiro dia a actuação da Banda da Sociedade Filarmónica União Assaforense, a actuação do Grupo Folclórico "Os camponeses" de D.Maria e do Rancho Folclórico Etnográfico e Saloio MTBA, preencheram o programa musical.
Ribafria16P29062016blog.jpg
Bancas e galerias de Angola/Lobito, Brasil/Petrópolis, Cuba/Havana Velha, Cabo Verde/Vila Nova de Sintra, Moçambique/Beira/Namaacha,China/Guangdong,Japão/Omura, Marrocos/assylah/El-Jadida,S.Tomé e Princípe/Trindade.
Saloios29062016blog.jpg
Saloios de Sintra
Ribafria9029062016blogjpg.jpg
Sintra, encontro de  Culturas
saloios60P29062016blog.jpg
O Grupo Folclórico "Os Camponeses" de D.Maria, actuando no palco
Saloios5Ribafria29062016cblogjpg.jpg
Fotos de 29 de Junho de 2016

http://riodasmacas.blogspot.pt/2016/06/dia-do-municipio-de-sintra-programa_26.html

quarta-feira, junho 29, 2016

A Fonte de São Pedro de Penaferrim

A fonte de S. Pedro é um fontanário projectado pelo arquitecto Raul Lino e foi inaugurado em 1929 revelando uma concepção erudita.

S.Pedro6733390573_bb8111cd5c_z.jpg
foto :Fonte de São Pedro no Largo de D.Fernando II, S.Pedro de Penaferrim

Notas  da Direcção Geral do Património Nacional, sobre a fonte:
Imóvel
A fonte de São Pedro de Penaferrim está situada no Largo D. Fernando II, também conhecido como Largo da Feira, onde se realiza a tradicional feira instituída pela rainha D. Maria II. Ocupa um recanto do largo, junto ao murete de delimitação do recinto e diante da estrada. A fonte foi projetada pelo arquiteto Raul Lino, que tinha em Sintra, e particularmente em São Pedro, um dos seus locais de eleição. Foi inaugurada publicamente em 1929, embora estivesse concluída no ano anterior.
Trata-se de um singelo edifício de planta centralizada, coberto por cúpula, cuja feição de tempietto revela uma conceção erudita, de inspiração classicizante. A metade posterior da estrutura é fechada por pano corrido, ao centro do qual se localiza a bica. A frontaria é vazada por três largos vãos quadrangulares, os dois laterais sobre muretes baixos com parapeito de pedra, e o central de acesso ao interior. Os vãos são divididos por duas colunas clássicas, de tipo dórico, com ligeira entasis, que flanqueiam o vão de acesso. Sobre estas colunas assenta um friso liso com cornija saliente, que antecede o lançamento da cúpula. Esta é finalmente encimada pelas chaves do céu, referência simbólica a São Pedro, orago da freguesia, e igualmente da referida feira.
No interior, destaca-se um lambril e bancos corridos forrados a azulejos de padrão, centrados pela bica, composta por simples torneira, e pela bacia circular sobre colunelo. A enquadrar a bica existe um painel cerâmico com um sol radiante. 
História
No interior da fonte está colocada uma placa comemorativa, que recorda ter sido o fontanário oferecido pela Junta de Freguesia de São Pedro de Penaferrim à Câmara Municipal de Sintra.
Sílvia Leite / DIDA / IGESPAR, I.P. / 17-08-2007. Atualização de Maria Ramalho/DGPC/2015.

Fonte:

http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/9380354


 

terça-feira, junho 28, 2016

Os "Diamantes Negros" estiveram na Figueira da Foz

Via Diamantes Negros:

Momentos para a história (longa) dos Diamantes Negros

Durante a actuação dos Diamantes no Casino da Figueira da Foz  em 25 de Junho


O alinhamento do concerto

Casino da Figueira  da Foz, 25 de Junho de 2016

*Fotos Diamantes Negros
https://www.facebook.com/diamantes64?fref=ts

segunda-feira, junho 27, 2016

BCE na Penha Longa

Nuvensblog.jpg
A partir de hoje, na Quinta da Penha Longa em Sintra, decorre até quarta-feira, o fórum anual do Banco Central Europeu (BCE). O "Brexit", as taxas de juro perto do zero, a recuperação lenta, a independência dos bancos centrais, etc, etc. - assuntos que Sintra vai testemunhar a discussão.

Presenças de peso: Mário Draghi, presidente do BCE, Janet Yellen, presidente da Reserva Federal norte-americana, e Mark Carney, governador do Banco de Inglaterra e claro a presença de um representante do FMI.

*Foto: céu de Sintra...

domingo, junho 26, 2016

Dia do Município de Sintra - Programa




A Câmara Municipal de Sintra assinala o Dia do Município, a 29 de Junho, com programação em vários locais do concelho, a partir das 10h00 nos Paços do Concelho.
O programa começa com a cerimónia do hastear da bandeira, que decorrerá no edifício dos Paços do Concelho, às 10h00. O ato solene contará com a participação da Banda da Sociedade Recreativa e Musical de Almoçageme. De seguida, nos claustros dos Paços do Concelho será inaugurada a Exposição “Sintra Desenhada – Urban Sketchers e os 20 anos do Património da Humanidade. Ainda nos Paços do Concelho, às 10h30, será assinado o protocolo de colaboração com a Região de Cacheu (Guiné-Bissau).
Na freguesia de Agualva e Mira-Sintra será inaugurado o Parque da Quinta da Fidalga, às 12h30, em Agualva, um espaço ar livre para usufruto dos munícipes.
De seguida, às 13h00, na freguesia de Rio de Mouro, será inaugurado o parque infantil instalado no Parque Urbano de Rinchoa-Fitares aberto ao público o ano passado. 
Na Quinta da Ribafria recentemente aberta ao público será inaugurada, às 14h45, a exposição “Encontro de Culturas”.
Às 16h00, do MU.SA (Museu das Artes de Sintra) realizar-se-á a apresentação do projeto vencedor do Silo de Sintra.
As comemorações do Dia do Município prosseguem com a apresentação pública, às 16h30, do Sintra Online – a nova plataforma na internet lançada pela Câmara, com o objetivo de ligar os serviços da autarquia aos munícipes, no MU.SA - Museu das Artes de Sintra.

*informação CMS

sábado, junho 25, 2016

Porque hoje é Sábado...

ParapentePG30092016Hblog.jpg
Parapente na Praia Grande/Sintra
ParapentePG30092016Lblog.jpg
O parapente foi criado no Parachute Club d'Annemasse (França), em 1978 para servir de treino aos paraquedistas na precisão na aterragem sem necessitarem de utilizar um avião.
Em 1980 foi criado o primeiro estágio de vol de pente (voo de encosta) e três anos mais tarde o nome mudou para parapente. Em 1985 é reconhecido como desporto pela "Fédération Française de Vol à Voile"  (da Wikipédia)
ParapenteP30052016blog.jpg
Posts relacionados:
 http://riodasmacas.blogspot.pt/2012/02/voar-em-parapente.html

http://riodasmacas.blogspot.pt/2010/10/parapente-na-praia-da-aguda.html

sexta-feira, junho 24, 2016

O BREXIT, a Gronelândia, a Islândia e a União Europeia (Actualizado)

O Resultado do BREXIT


Gronelândia
•Deixou a CEE em 1985, através de referendo.
•“A Gronelândia é elegível para financiamento pelo orçamento geral da União Europeia através da Parceria UE-Gronelândia”:
https://ec.europa.eu/europeaid/countries/greenland_en



Foto encontrada aqui: http://pt.slideshare.net/mspnet/islandia-presentation-938136

Em Maio de 2009 a Islândia iniciou formalmente os trâmites necessários para a sua adesão à União Europeia (UE), tendo feito o pedido a 16 de julho de 2009. Finalmente, o Conselho Europeu, celebrado em Bruxelas a 17 de junho de 2010, firma a abertura das negociações com a Islândia para a sua adesão à UE. Contudo, a 22 de maio de 2013, a eleição de um novo governo na Islândia fez com que o país suspendesse por tempo indeterminado as negociações para a sua adesão à UE] acabando por retirá-la no dia 12 de março de 2015.(na Wikipédia).

A ilha nórdica retirou o pedido de adesão à União Europeia, numa decisão comunicada  a Bruxelas. O pedido de adesão foi feito em 2009 já em plena crise imobiliária no país, numa altura em que o euro era visto como uma bóia de salvação para o país. Depois surgiu a crise do euro e a recuperação económica islandesa.

Actualização
A União Europeia e a Noruega




A Noruega não faz parte da União Europeia, o povo norueguês recusou por duas vezes em referendo,
Os argumentos para o não eram que a entrada na União Europeia seria uma ameaça à soberania da Noruega e que as indústrias da pesca e agricultura iriam ser afectadas. A adesão acabaria por se traduzir por um aumento da centralização e por condições menos favoráveis para a igualdade e o estado-providência.
A pesca é muito importante para a economia da Noruega, em particular para as regiões costeiras. É a segunda indústria do país, depois da indústria petrolífera.
No entanto, é preciso acrescentar que no plano económico a Noruega já faz parte do mercado interno europeu.  De facto, a Noruega está muito integrada na União Europeia, mesmo não sendo estado-membro.
Fonte:
http://pt.euronews.com/2013/03/29/a-noruega-e-a-uniao-europeia/