quarta-feira, dezembro 13, 2017

Sobre o Farol do Cabo da Roca - reacção do Bloco de Esquerda

O Bloco de Esquerda questionou na Assembleia da República o MAI


Bloco quer relocalização de torre de comunicações instalada em 2013 no Cabo da Roca

"O Bloco de Esquerda defende que a torre de comunicação do Sistema Integrado de Vigilância, Comando e Controlo da costa portuguesa, instalada junto ao farol do Cabo da Roca, seja transferida para outra localização, de modo a minimizar impactos sobre a paisagem.   

Considerando a necessidade de se reconstruir a estrutura, gravemente danificada pela passagem da tempestade ANA, a deputada Sandra Cunha questionou o Ministério da Administração Interna sobre a disponibilidade do governo para reequacionar a sua localização.

A instalação, em 2013, desta estrutura de 45 metros de altura, gerou protestos da população, de defensores/as do património e de diversos partidos, entre os quais o Bloco de Sintra. Apesar disso, o governo PSD/CDS manteve a decisão eu levou à criação de uma profunda cicatriz na paisagem, visível a quilómetro de distância, num local que recebe milhares de visitantes todos os dias.

O Bloco considera que, mau grado toda a destruição causada,  a natureza se impôs e devolveu parte da beleza ao local, oferecendo às autoridades uma óptima oportunidade para corrigir o erro. Haja vontade política para tal."

Sem comentários: