quinta-feira, fevereiro 22, 2018

Patos - Reais de Colares

Pato - real no rio das Maçãs na Vázea de Colares

"Apesar dos Patos-Reais não serem uma das espécies em vias de extinção, os seus habitats têm vindo a ser destruídos quer pela poluição quer pelo aquecimento global, e isso deverá ser uma das nossas preocupações. A protecção desta espécie passa pela conservação dos seus habitats."

Renovação  do bando garantido. Foto de 10 de Abril de 2017
"O habitat dos Patos-Reais são normalmente habitats aquáticos como, lagoas, barragens, valas, rios, arrozais, parques urbanos entre outros.
A dieta destes patos consiste essencialmente em alimentar-se de vegetações, plantas aquáticas, e pequenos invertebrados. Também já houve relatos de que se alimentam de pequenos anfíbios como os sapos.
Apesar de terem uma dieta bastante definida, nada os impede de se alimentarem dos alimentos que os seres humanos lhes fornecem, como por exemplo pão.
Em Portugal, o Pato-Real é uma ave não migratória, isto deve-se essencialmente ao clima e às condições que se mantêm estáveis ao longo do ano, não havendo assim necessidade de migrar para outras regiões à procura de melhores condições. O período de acasalamento desta espécie ocorre entre Março e Junho.
O macho abandona a fêmea assim que a fêmea comece a produzir ovos.
A fêmea após o acasalamento é capaz de produzir entre oito a treze ovos e o período de incubação dura aproximadamente vinte e oito dias.
As crias assim que nascem não precisam de ser alimentadas pela progenitora, eles alimentam-se de insectos intuitivamente, no entanto gostam de estar próximos da progenitora pois esta fornece-lhes protecção.
Por mais incrível que pareça, os Patos-Reais têm uma elevada taxa de acasalamento macho-macho.
Grande parte dos machos acasalam-se com outros machos, para ser mais preciso 19% da população de Patos-Reais é homossexual.
Apesar dos Patos-Reais não serem uma das espécies em vias de extinção, os seus habitats têm vindo a ser destruídos quer pela poluição quer pelo aquecimento global, e isso deverá ser uma das nossas preocupações.
A protecção desta espécie passa pela conservação dos seus habitats."
Texto retirado daqui:
http://www.maisnatureza.com/animais/aves/pato-real/#toc0


"O Pato-Real mede entre 56 a 65cm de comprimento, e pesa entre 0.9 a 1.2kg. Não é difícil realizar distinção de sexos, isto porque cada sexo possui características distintas, e durante o período de acasalamento essas características são acentuadas. Os machos têm uma cabeça verde, um anel branco no pescoço, o dorso é acinzentado e o peito de um tom de castanho-escuro, estas cores tornam-se mais fortes a quando o período de acasalamento, para chamar a atenção de um parceiro."

Texto retirado daqui
 

Um casal de patos reais na chegada ao seu habitat,  no  rio das Maçãs/Várzea de Colares


Sem comentários: