sexta-feira, maio 11, 2007

Barbárie no canil Municipal de Beja

ACTUALIZAÇÃO -22H10m
Apreciação em plenário da Assembleia da República da petição "PeloTratamento Condigno e Pelo Fim do Extermínio dos Animais Em Canis/Gatis Municipais" assinada por 17466 cidadãos ,que teve lugar no passado dia 4 de Maio de 2007.
Vídeos das intervenções
de todos os grupos parlamentares.-Encontrado no site da
Associação pelos Animais


DENÚNCIA
Através da denúncia do blog “Fases da Lua Cheia” e do “Canto de Pandora”, chegou-nos ao conhecimento uma chacina praticada sobre 16 desgraçados cães no dia 27 de Março de 2007, que se encontravam amontoados em condições que nos envergonham, no Canil Municipal de Beja.
Com uma brutalidade indescritível, uma veterinária e seu auxiliar quebrando todas as regras deontológicas e éticas mataram de forma cruel os pobres animais,” Ontem o método de abate que foi testemunhado foi o seguinte: a Veterinária e o auxiliar usaram luvas de aço (iguais às usadas nos talhos), colocaram açaimes nos focinhos dos cães e injectaram o produto directamente no coração provocando uma tortura atroz que nem sempre causava a morte (alguns animais ainda estavam vivos enquanto os atiravam para a pilha de cadáveres).”
Existem fotografias do local em que foi praticada esta chacina –aqui-que demonstram a forma, como em Beja tratam os animais que são apanhados na rua. Atirados sem qualquer respeito para espaços onde se amontoam outros , machos, fêmeas sãos e doentes... animais, porventura já abandonados por aqueles que consideravam seus donos e de quem teriam sido amigos fiéis.

No caso destes 16 cães já estariam a ser acompanhados para melhorar a sua situação por associações de apoio a animais abandonados.


Contactada a associação ANIMAL sobre este escandaloso modo de actuação destes técnicos do Canil de Beja , foi-nos respondido que:
“–os canis e gatis municipais tem que passar por acabar com o poder destes (ir)responsáveis municipais de decidirem simplesmente matar animais, depois de encerrá-los em jaulas miseráveis, depois de perseguirem-nos na rua, depois de os capturarem barbaramente. Esta gente tem que ser travada – mas pela raiz. Temos intervindo muitas vezes junto de câmaras municipais que permanecem completamente impermeáveis a quaisquer apelos directos, tentativas de pressão ou de negociação, que possam trazer reais benefícios para os animais de companhia. A actual situação de autêntico terrorismo urbano contra as centenas de milhares de cães e de gatos que desgraçadamente erram pelo país está completamente generalizada e é mantida legalmente(!) por quase todos os municípios do país. É por isso que a ANIMAL está há muito tempo a preparar algo, que vai lançar muito em breve, e que tem como objectivo pôr fim a este massacre e a tudo de mal que o antecede, mas de forma estrutural. Não adianta tentarmos forçar, com poucos meios e de eficácia dramaticamente limitada, câmaras municipais que promovem massacres destes alegremente.”

Na sequência desta denúncia foi apresentada queixa à Ordem dos Veterinários, Liga para os Direitos dos Animais, Sociedade Protectora dos Animais, Grupo parlamentar os Verdes, Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda, que não deram qualquer resposta.

E no resto do País, e em Sintra como é que são tratados os cães que vão parar aos canis?

-Infelizmente a situação segundo informações que entretanto foram chegando e a própria ANIMAL confirma, o respeito pelos animais é uma cultura que não existe nesses locais. Com a colaboração de veterinários que deveriam exercer em nome da vida e do bem estar dos animais, os desgraçados que lá vão parar são cruelmente abatidos, por processos medievais que não respeitam os seus direitos de seres vivos.
Pretende-se que denúncias sejam enviadas a entidades que deverão ser responsabilizadas por estas chacinas, de forma a que se tomem medidas de vez para que o respeito pelos direitos dos animais não fiquem sómente no papel, mas se apliquem de facto.

-Ler notícia no Jornal "Correio da Manhã" de hoje: -pressionar

Por favor, enviem a V. mensagem de desagrado para geral@cm-beja.pt.

Ou pelo correio, na medida em que por e-mail parece que ninguém na Câmara Municipal de Beja lê o correio electrónico.
a/c Presidente da Câmara Dr. Francisco Santos
Câmara Municipal- Praça de República7800-427 Beja

ou a/c Vereador Miguel Ramalho
Câmara Municipal- Praça de República 7800-427 Beja

4 comentários:

greentea disse...

obrigada pela divulgação, pedro!!
Vou postar a lista dos blogs que postaram sobre o tema - não somos demais...

também se pode manadar mails para o Primeiro ministr e para organismos internacionais, linkados hoje no meio dos comments.

Um abraço

greentea disse...

O Correio de Manha divulga a noticia na sua edição de hoje !

Pandora disse...

Bom dia Pedro, o Correio da manhão já divulgou o caso hoje.
beijos.

Anónimo disse...

Até ao próximo dia 15 de Agosto de 2007 a Associação Cantinho dos Animais terá que arranjar donos para os seus 120 animais uma vez que teremos que sair do terreno onde temos o nosso canil (adjacente ao da Câmara Municipal de Beja) até essa data.

Assim, agradecemos que divulguem os nossos meninos por forma a concluirmos essa tarefa.