domingo, dezembro 28, 2014

Pôr do Sol de Colares

PordoSol26122014blog2.jpg
Pôr do Sol de Colares em 26/12/2014

Correspondência de William Beckford-1787 (com Pôr do Sol de Colares)

"(...) Jantámos numa asseada e excelente pousada, situada no centro da vila de Sintra. A rainha concedeu ultimamente ao marquês esta casa e um largo tracto de terreno contíguo, e das suas janelas e loggias vêem-se em baixo fundos barrancos e abruptas quebradas cobertas de bosques e matas, entremeadas de pedras musgosas e vetustos castanheiros. Apenas baixou o sol fomos para Colares, onde passeámos num terraço pertencente ao senhor Laroche, negociante francês, que deu provas de bom gosto na disposição da sua casa. Grupos de pinheiros e castanheiros, rompendo das fendas dos rochedos, e elevando-se uns acima dos outros a uma altura considerável, dão a Colares a aparência de uma aldeia dos Alpes; e ao longo do caminho inúmeras fontes à sombra de sobreiros e copados limoeiros, rebentam dos muros desmoronados e caem em tanques de pedra."


"Principiava a levantar-se o vento, quando subíamos o monte coroado pela villa do Marquês. Estava límpido o céu e esplêndido o pôr do Sol.(...)"

*O Terraço a que Beckford se refere, localiza-se na Quinta da Palma na Eugaria/Colares. quinta essa fundada por Pantaleão Laroche no 3º quartel do Séc XVIII. A quinta esteve na família de André Ludovice Paixão, até aos anos 50 do Séc.XX. E reza a história da família Laroche que Pantaleão Laroche possuía na sua quinta uma variedade de Pera única e que veio dar origem à Pera Rocha, a quinta também era conhecida pelos locais como a Quinta da Rocha.

*Extractos de  textos retirados de: "A corte da Rainha D.Maria I -Correspondência de William Beckford-1787"
http://riodasmacas.blogspot.pt/search?q=William+Beckford



1 comentário:

Carlos José dos Santos disse...

Maravilha, tanto a foto como os textos.