domingo, abril 19, 2015

Visita ao Dakota (DC3) do Museu do Ar

DC3MuseuAr16042013ablog.jpg
O Dakota DC3 , é a aeronave que fazia  ligação  Lisboa - Luanda - Lourenço Marques, a Linha Imperial, iniciada em 2 de Dezembro de 1946. Hoje, faz parte do espólio do Museu do Ar em Sintra e foi apresentado após restauro, no dia em que a TAP comemorava os 70º aniversário, em 14 de Março último.
DC3MuseuAr16042013.dblogjpg.jpg
Linha Imperial, um voo de 24.540 Km era efectuado em 12 escalas.
DC3MuseuAr16042015Blog.jpg


Escalas do voo da linha Imperial: Marrocos, Senegal, Gana, Gabão, Luanda, até Maputo (Lourenço Marques), no Congo ou Zimbabué.
DC316042015blog.jpg
Interior do DC3 durante uma viagem.( Foto do Museu do Ar)

DC3MuseuAr16042015bbBlog.jpg


 Casa de banho e cozinha do DC3. Preço total do voo entre Portugal e Moçambique 14.470 escudos.
DC3MuseuAr16042013.wdblogjpg.jpg
"O avião  de transporte Douglas D-47 Dakota (DC3) de origem americana, foi o cavalo de batalha da aviação de transporte táctico dos Aliados durante a II Guerra Mundial. Robusto e fiável. O primeiro avião deste tipo a ser utilizado por Portugal era da USAAf e aterrou por avaria em 1943, tendo sido apreendido e depois integrado na então Aeronáutica Militar, do Exército. Foram depois adquiridos a partir de 1953 mais 28 para a Força Aérea. Estavam dotados de dois motores radiais de 1200 hp, tinham uma velocidade máxima de 370 Km/h ou 290 em cruzeiro, um raio de acção de 3300 km e uma capacidade de carga de 3170 kg."
in "Os anos da Guerra Colonial" nº1
DakotaMueda.jpg
Dakota e Fiat G-91 em Mueda/Moçambique ( Guerra Colonia/DN)
DakotaDC3.jpg
Transporte de militares em avião «Dakota C-47», na zona de canbanga, no Leste de Angola(Guerra Colonial/DN)

Mais um pouco de história do DC3 do Museu do Ar, retirado do no site do Projecto Vintage AeroClub:
O avião DC3 da TAP, exposto no museu do Ar, na base aérea de Sintra é na verdade uma aeronave ex-DGAC, de matrícula CS-DGA. O modelo completo é C47A-80-DL, o seu número de registo é o 43-15037 e foi construído em 1943, na fábrica de Long Beach. Enquanto ao serviço da USAAF, participou nas operações militares da 2ª Guerra Mundial entre 1944 e 1945, foi vendido como surplus de guerra em 1946, primeiro para a Irlanda e finalmente para Israel, onde foi adquirido para voar para a DGAC, em 1963. A sua vida operacional terminou 29 Junho de 1979 e em 1987 foi oficialmente oferecido à TAP. Este avião nunca voou nas linhas da TAP. Enquanto espólio da TAP, foram-lhes aplicados vários tratamentos estéticos, principalmente ao nível do exterior, tendo o seu interior degradado significativamente ao longo dos anos. A pintura aplicada representa o CS-TDA, primeiro DC3 matriculado nos TAP. Um conjunto de pessoas interessadas e voluntárias, dentro e fora da TAP, propôs o restauro estético deste avião, para que volte a apresentar a excelência que a companhia representava, aquando da inauguração das suas operações, em 1946.
Projecto Vintage AeroClub
https://grupodakotatap.wordpress.com/projecto-a/



*Fotos do DC3 no Museu do Ar/Granja do Marquês em 16/04/2015

Sem comentários: