quinta-feira, julho 27, 2017

Aves da região

Gaio BlogueGaio32013
 Gaio, foto no Mucifal

As penas azuis das asas são a característica mais fácil de detectar nesta espécie, pois contrastam bastante com a tonalidade acastanhada do dorso e peito. As asas possuem também um padrão preto-e-branco,
tornando a combinação de cores muito visível quando se encontra em voo. O uropígio branco, a cauda preta
e o bigode escuro completam as características mais marcantes deste corvídeo.

Fotos no Mucifal

O gaio encontra-se bem distribuído de norte a sul do território, 
sendo mais abundante na metade norte e no extremo sul. 

Foto no Mucifal

"O Gaio (Garrulus glandarius) é um corvídeo de dimensões médias, medindo cerca de 35 cm de comprimento e 52 a 58 cm de envergadura. Dentro da família Corvidae é a espécie mais colorida: coroa listada de cinzento-acastanhado e branco, "bigode" preto, peito e barriga castanho-rosado, asa pretas com uma banda branca larga e com parte das grandes coberturas azuis riscadas de preto, uropígio branco e cauda preta. O bico, curto e forte, é preto.
O Gaio é uma espécie que não oferece dificuldade na sua identificação, sendo facilmente reconhecido em voo pelo painel branco nas asas e pelas conspícuas e únicas coberturas azuis e pretas. Pelo facto de ser uma ave florestal a sua observação pode ser trabalhosa. Mais comum é ouvir os gritos ásperos que emite com frequência, bem como todo um leque de imitações de cantos e chamamentos de outras aves."
 http://naturlink.pt/article.aspx?

GaioBlogue2013
 O gaio é uma ave que encontramos com alguma frequência nos pomares de Colares e do Mucifal

 Gaio-comum
 É uma grande ave dos bosques, com cauda comprida, asas arredondadas e plumagem muito característica. Tem um comprimento de 33 a 36 cm e um peso de 140 a 190 g. Tem uma coroa malhada de preto e branco, um bigode preto, dorso e ventre castanho rosado. As asas e a cauda são pretas, com o uropígio e parte interna das asas brancas, ambos muito visíveis em vôo. Apresenta uma mancha azul iridescente, com riscas finas pretas e brancas, nas grandes coberturas primárias, muito característica. Longevidade: 18 anos.
Fonte Wikipédia

GaioBlogue22013Créditos:
 http://naturlink.pt/article.aspx?menuid=55&cid=22643&bl=1http://www.avesdeportugal.info/gargla.html

Sem comentários: