segunda-feira, julho 31, 2017

Sobre a Quinta dos Lagos e a Escola do Morais em Sintra (reedição)

Por gentileza de M.C.Gomes, publicamos na sequência de um post , um desenho (planta e fachada principal), da casa de Fernando Formigal de Morais na Quinta dos Lagos, (publicado no Anuário da Sociedade dos Arquitectos Portugueses,ano III) - primeiro presidente da Câmara de Sintra, após a implantação da República em 1910. Também seu pai Domingos José de Morais, está ligado à história de Sintra, é desse perfil que tratamos hoje.

Domingos José de Morais, começando a trabalhar muito novo, aos catorze anos, conseguiu quatro anos depois estabelecer-se por conta própria. Com o resultado do seu trabalho conseguiu arranjar grande fortuna. Homem bem conhecido pelo seu sentimento filantropo, e imbuído pelo espírito republicano, patrocinou diversas obras de cariz social pelo país , além de a si chamar a dinamização da construção da escola, que viria a receber o seu nome em Sintra.
Domingos José de Morais

A escola iniciada no último período da monarquia, e terminada em 1910, foi desde logo associada à causa republicana, tendo o próprio Domingos José de de Morais oferecido o edifício à administração municipal. Nessa escola existia uma banda de música denominada a “Banda da Escola do Morais” formada pelos seus jovens alunos, que se estreou em 24 de Junho de 1911.
A escola de Domingos José de Morais nos inícios do Séc.XX (Foto de António Portugal,arq.Fot.CML)

Domingos José de Morais, nasceu em Areosa (Viana do Castelo) no dia 2 de Novembro de 1846 e faleceu em Lisboa a 28 de Novembro de 1903. Domingos José de Morais era pai de Fernando Formigal de Morais, o primeiro Presidente da Câmara de Sintra, depois da implantação da República.
A escola actualmente

Post relacionado:

-Sobre a Quinta dos Lagos em Sintra -aqui
-Curiosidades de Sintra antiga-aqui
-Casa do primeiro Presidente da Câmara de Sintra-aqui
-Quinta dos Lagos-aqui




Fontes :
Obras de José Alfredo Azevedo
Sintra- Escolas memória I ed. da Misericórdia de Sintra.

Sem comentários: