quarta-feira, junho 06, 2018

Falsas notícias sobre a Casa Camacho ou falsas justificações para a perda de património histórico de Colares

Sobre uma notícia do "Notícias sde Sintra"

O Jornal online Sintra Notícias, em notícia de hoje com o título "Banzão-ALDI e como se propagam as falsas notícias"  - tenta demonstrar que o  algum alarme social provocado pelas redes sociais com o caso, Casa Camacho, é uma coisa sem nenhum sentido.

https://sintranoticias.pt/2018/06/06/banzao-aldi-e-como-se-propagam-as-falsas-noticias/
Foto de 2 de Junho de 2018

A notícia confirma que em 2015, o ALDI (que comprou a propriedade) pretendia instalar no Banzão um hipermecado da sua cadeia. Como noticiámos na altura,  (assim como a SIC),não tendo havido nenhum desmentido.

http://riodasmacas.blogspot.com/2015/07/foi-voce-que-pediu-um-supermercado-aldi.html

Avança o Sintra-Notícias que essa intenção da ALDI não foi autorizada pela CMS.

Dia 2 de Junho de 2018, depois de acabar o prazo para limpeza das florestas, foi todo património arbóreo (centenário) da propriedade do Banzão abatido, não sobrevivendo uma única árvore de qualquer espécie - sem que haja conhecimento de qualquer intervenção da GNR, ou da CMS.

A velha vivenda, que até essa altura se encontrava embora fechada, mas em estado exterior aparentemente razoável, envolvida por  centenários pinheiros, está agora depois da limpeza com aspecto mais próximo de ruína -não parecendo que a sua recuperação esteja em vista.
Sobre a radical "limpeza" adianta o "sintra-Notícias", que é uma questão a ser analisada pelo ICNF, e pela GNR.
Foto de 6 de Junho de 2018

O ALDI, não surge nesta história, como sendo uma invenção do blog ou das  redes sociais e a verdade é que um local que tem um valor histórico para Colares, e concerteza para Sintra, não tenha sido preservado, seja o motivo de uma instalação de um ALDI ou dum Pingo Doce qualquer.

Foto em 6 de Junho de 2018
Saber mais:
http://riodasmacas.blogspot.com/2018/06/foi-voce-que-pediu-um-aldi-para-o.html

http://riodasmacas.blogspot.com/2018/06/foi-voce-que-pediu-um-aldi-no-banzao-ii.html

Sem comentários: