segunda-feira, fevereiro 12, 2007

Palácio da Pena do IPPAR para o PSML

Na sequência da atribuição da coordenação da zona classificada como Paisagem Cultural ao Parques de Sintra-Monte da Lua (PMSL), surge a noticia (Público de hoje),de que o Palácio da Pena também vai deixar de ser tutelado pelo IPPAR, e passar para o PSML.

O Parques de Sintra-Monte da Lua,SA. foi criado em 2000 com a missão de gerir os jardins históricos (Pena e Monserrate) e monumentos (Convento dos Capuchos e Castelo dos Mouros), situados na zona classificada património mundial pela Unesco.

Unesco que em 2006, relatou falhas, na gestão da zona classificada e apontou como solução a criação de uma “Task Force” independente , para a gestão da área classificada, solução que o governo do engº Sócrates não seguiu, atribuindo no início de Fevereiro de 2007 essas competências ao PSML.

Sendo o Palácio da Pena, o monumento mais lucrativo (51 mil visitantes em 2006)sob tutela do IPPAR, esperamos que esta medida não seja apenas mais uma solução para obter receita para o PMSL. Não esquecer o caso da Tapada do Mouco, (cedida à TVI para o reality Show a 1ªCompanhia, a troco de uma verba que parece não ter acontecido), que provocou uma clareira no Parque devido ao desbaste de árvores....

Terá o PSML a justificação que o Palácio e o Parque são um todo, e também era essa a opinião de D.Fernando II seu mentor. Mas vendo como PMSL tratou da reconstrução do Chalet da Condessa d’Edla, é caso para ter algumas reservas com esta decisão.

Notas:
-Imagem do Palácio da Pena , retirada dos "Tesouros da Humanidade e da Natureza"Ed.Público
-Fonte consultada; Noticía do Público de 12-02-2007, da autoria Luis Filipe Sebastião.

1 comentário:

greentea disse...

nesta matérias ficam sempre muitas dúvidas a pairar no ambiente ...

um abraço