terça-feira, junho 09, 2015

Notas sobre o Palácio de Valenças

PalacioValencasPblog.jpg
Palácio Valenças
´
Excerto de um texto publicado na "Revista Occidente" em 15 de Julho de 1896
Nota do blog:( texto conforme a ortografia e acentuação original)

"Cintra era então um refugio, onde se gosava socegadamente longe do bulicio da cidade, sem importunos e sem caminho de ferro.
Podia-se ali viver por gosto alguns mezes do anno, os mais quentes , cada familia em sua casa, ou no hotel do Sant’Anna, o que valia o mesmo.
Passavam-se os dias em deliciosos passeios ora á Peninha,á Penha Verde, á Varzea de Collares, a Sitiais, a S.Pedro, onde se encontravam francas as quintas dos srs. Marquezes de Vianna e de Vallada, ou ao Duche a gosar a frescura perenne d´aquelle logar, onde a agua nasce borbotando da areia e as arvores seculares se fecham em cerrada aboboda, onde os passarinhos chilreiam e os doirados raios solares a custo penetram por entre a folhagem.
Pois foi n’este logar, onde se bifurcam as estradas que vão para a recente Villa Estephania e para a velha fonte da Sabuga, que o bem conhecido negociante da praça de Lisboa, sr. António Lopes Ferreira dos Anjos mandou edificar o palacio, que faz o assumpto da nossa gravura, palacio magnifico que attesta o bom gosto do seu fundador e que é uma das melhores coisas que ha para ver em Cintra.
O sr. Anjos confiou o risco e a direcção da obra ao notavel architecto italiano José Cinatti, mas não teve a satisfação de a ver concluida, porque a morte o arrebatou, em 31 de Outubro de 1879, tendo principiado a edificação em 1877.
Este palacio, assim como toda a propriedade do Duche, deixou o sr. Anjos a sua filha, a ex.ma sr.ª condessa de Valenças ficando assim vinculado a essa casa.(...)"



*No edifício romântico do Palácio de Valenças, funcionou durante 64 anos de 1939 a 2003 a Biblioteca Municipal de Sintra.

1 comentário:

Graça Sampaio disse...

Lindo! O Palácio de Valenças e o texto! Foi durante 16 anos "vizinha" do Palácio de Valenças... E que saudades!!!