domingo, novembro 01, 2015

Depois das Vindimas era tempo do Arrobo

Arrobo2015Mucifal2015P2blog.jpg
O doce tradicional (Arrobo) e as maçãs reinetas de Fontanelas (foto 31/10/2015)

Após as vindimas, enquanto o vinho descansa nas adegas, era a altura  antigamente, para se confeccionar  um doce caseiro tradicional,que era muito apreciado, aproveitando o mosto após a uva ser esmagada no lagar - o Arrobo. Doce que que há muito pretendíamos fotografar, mas que  em Colares, há já poucas pessoas que o confeccionam. Este ano graças à D.Manuela Morais do Mucifal, conseguimos o objectivo. A foto que publicamos é o Arrobo do Mucifal 2015.

O Arrobo
Doce lembrado com saudade pelas  pessoas com mais idade, era  feito  num "tacho de arame",com uma cozedura prolongada do mosto da uva, pêros rapinaus (muito raros), pêra parda, ou mesmo maçã reineta.
O resultado era um doce escuro e rijo, muito apreciado pelas crianças.
Através de várias ajudas, encontrámos um dos famosos "tachos de arame"  designação que não nos foi possivel esclarecer, porque o tacho usado para o Arrobo, é um tradicional tacho de cobre, enegrecido pelo lume na parte exterior.

TachoArame2013 Foto: "Tacho de arame"

Sobre o Arrobo:
http://riodasmacas.blogspot.pt/2014/11/doces-tradicionais.html

 

*Arrobo,Arrobe ou Uvada em algumas regiões

4 comentários:

Graça Sampaio disse...

Saudades desses frutos que se compravam em Sintra quando lá vivi e que nunca mais vi, nem lhes ouvi os nomes...

O doce nunca foi dos meus conhecimentos.

JAIME CORVO disse...

Caro Pedro,
Tem alguma notícia da existência na nossa região de macieiras da variedade repinaus (como chamávamos na minha infância)?
A minha família tinha duas ou três dessas fruteiras, que se perderam com o tempo.
Como eram bons esses repinaus, colhidos já no outono e colocados a amadurecer em cima de palha.
Se tiver algum contacto que me possa dar, muito agradeço. Gostaria de tentar uma enxertia...
Um abraço
JAIME CORVO

pedro macieira disse...

Graça,
Obrigado pelo seu comentário. O Arrobo em Colares, Uvada em Torres Vedras é um doce antigo das zonas do País onde há vinhas - que eu conheça Colares, Torres Vedras, Vila Franca. Pela dificuldade da sua confecção está quase extinto.
Abraço
http://riodasmacas.blogspot.pt/2015/11/arrobouvada-no-festival-da-vindima-de.html

pedro macieira disse...

Caro Jaime Corvo,
Enviei a resposta por e-mail.
Abraço