quarta-feira, maio 24, 2017

Boom Turístico e Colares

"Em Lisboa, o sector cresceu 15,4 por cento no ano passado, mais do que em qualquer outra cidade europeia. São 11,5 milhões de dormidas anuais. A capital está nas bocas do mundo e soma distinções: Melhor Destino Europeu, Melhor Destino Urbano, Melhor Destino Low Cost, Melhor Destino de Cruzeiro, além de estar em todas as listas das cidades mais bonitas do planeta. No Porto o número de dormidas atingiu os 2,6 milhões, um crescimento de 13,8 por cento face a 2013." *
Dados de 2015.
 Retirado daqui: http://www.noticiasmagazine.pt/2015/o-turismo-que-muda-vidas/

O boom turístico que o país vive , está a chegar a Colares - segundo algumas informações o antigo hotel Eden, e o Chalet José Inácio Costa, irão transformar-se em hostels

O Chalet de José Inácio Costa , teve início de construção em 5 de Novembro de 1885


“O Chalet de Inácio Costa que constitui um exemplar arquitectónico muito interessante, com as sua janelas góticas e decoração vegetalista estilizada dos capitéis patentes nas janelas maineladas, cuja gramática recorda vagamente certo estilo revivalista.”
No "Colares" de Maria Teresa Caetano

Antigo Hotel Eden
Hotel Eden

«Na “baixa” de Colares destaca-se, pois, o edifício do antigo Hotel Éden edificado por Inácio Costa, em 1887, e que foi durante vários anos, a única unidade hoteleira da região.Aquele capitalista construíra ali perto, a sua residência de férias (1885), a “Villa Costa”, provavelmente projectada pelo mestre Manuel Joaquim de Oliveira.
Estas edificações, pelo seu eclestismo no contexto vernacular em que se inseriam, mereceram , mais tarde, a seguinte apreciação de Frutuoso Gaio:«a quem se deve a construção do Eden Hotel, dos melhores chalets, e do seu magnífico palacete na Abreja, cujo recheio faustoso, era de tal opulência que até umas ricas cadeiras de uma das salas, quando as visitas se sentavam faziam ouvir peças de música».
(...)
«A “Villa Costa” e o Eden Hotel agremiaram um círculo intelectual e mundano da vilegiatura de fin de siécle e crente no progresso anunciado para o evo que se avizinhava, onde incluiam, para além da familia Costa , Chaves Mazziotti-proprietário da Quinta Mazzotti e deputado pelo Partido Progressista-Alfredo Keil, marquesa de Vale Flôr,conde de Sabugosa, conde de Valenças,viscondessa de Santarém,familia Portocarrero,o pintor Veloso Salgado-que em 1923 retratou o ilustre médico e cientista Carlos França-entre outros.»

Texto retirado de "Colares" da autoria de Maria Teresa Caetano

Quinta do Vinagre
Nos últimos dias veio à baila a possivel venda da Quinta do Vinagre, e segundo as notícias Madona, seria uma interessada em viver em Colares...
O Palacete foi construído no Séc.XVI, por D.Fernando Coutinho Bispo de Silves.Veio a ser adquirido mais tarde pelo Conde de Mafra que o vendeu à familia Schumberger.

Sem comentários: