terça-feira, dezembro 02, 2008

A Estação de Caminho de Ferro de Sintra

“Em 26 de Setembro de 1886, o nº47 (do Jornal de Cintra) dava a notícia de ter chegado a Sintra, à estação de São Sebastião, a primeira locomotiva do caminho-de-ferro .
A estação estava vistosamente engalanada desde o túnel e houve copo-de-água numa das suas salas. O periódico chama-lhe estação de S.Sebastião porque toda a zona que se estende até ao largo Dr. Virgílio Horta era conhecida pelo nome deste santo, existindo ali uma capela a ele consagrada e que foi demolida para, no local, serem construídos os actuais Paços do Concelho.”


Em "Obras de José Alfredo Azevedo V"

A inauguração da linha Lisboa-Sintra teve lugar em 2 de Abril de 1887

A chegada do rápido a Sintra em 1900


Fotos publicadas pela revista “Brasil Portugal” de 1 de Setembro de 1900

2 comentários:

ProsasVadias disse...

Pelo que deduzo, talvez mal, as três portas são hoje três janelas. Ou seja, parte, da arquitectura, do vetusto edifício ainda mantém algumas características originais. Já não é mau. Conheço outras que mantiveram igualmente algumas características ao longo do tempo, mas de tão feias que são e sem interesse arquitectónico algum, que penso não ter valido a pena o esforço de terem sido mantidas de pé. Aqui o camartelo faria todo o sentido. Refiro-me a duas que conheço muito bem: Figueira da Foz e Coimbra A.

pedro macieira disse...

Carlos Freitas,
Neste caso a preservação da bela estação de Sintra, mantém-se intacta – a escolha das fotos no post foi só uma questão estética.
Nem sempre por estes lados as coisas correm assim...e últimamente tenho grandes preocupações sobre esta Sintra "Património Mundial".

Um abraço