domingo, dezembro 13, 2009

Várzea de Colares

Photobucket

Cerca de meados do século XVIII, Santa Anna redigiu uma das mais belas e ignotas passagens sobre a abastança do vale de Colares:

«As águas deste gracioso rio * são de qualidade tão admirável, que por onde correm, deixaõ a terra fecundissima de rendosos pomares, compostos por excellentes frutos. Na varzea saõ tantas e taõ bastas as arvores frutiferas nascidas de huma, e outra parte do rio, que em toda ella, na maior força da calma, se acha sem interrupçaõ huma sombra continuada. A differença dos frutos (que saõ peras, maçans , marmelos e outros igualmente saborosos) servem de recreação aos sentidos; dando a conhecer, que os primores da arte, empenhada em concertar hum bellisimo ramalhete, naõ poderia idear outro de tanta fermosura, como nesta varzea de todo o seu frondoso arvoredo lhe fabricou a natureza(...)»

No "Colares" de Maria Teresa Caetano

*Rio das Maçãs
Foto da Várzea de Colares - ontem.

2 comentários:

fernando louro disse...

parabens pela qualidade que diariamente nos é oferecida.
estas fotos com que somos presenteados quase diariamente estão a merecer muito em breve uma exposição para um publico ainda mais alargado encher os olhos de tanta beleza. Vamos a isso?
fernando louro

pedro macieira disse...

Fernando Louro,

Muito obrigado pelo simpático comentário. Quanto a outros projectos, é uma questão para análise futura.
Um abraço