segunda-feira, dezembro 21, 2009

Os últimos voos Outonais

Photobucket
Photobucket

Não precisamos de muita coisa

não precisamos de muita coisa
um pouco de sol e as Berlengas no horizonte
a tarde escorrendo na cafetaria
os nossos olhos lentos e as vidraças
subitamente acesas no esplendor das bátegas
um bando de patos selvagens erguendo-se da lagoa
quando saimos e ao vento frio ofertarmos
a transparência dos lábios cercados
pela melancolia da tarde que se nos finda

e à noite talvez as mãos
ardidas de saudade e em surdina
uma canção Ella e Louis Armstrong

Soledade Santos

Patos1220093final
Fotos dos patos do Rio das Maçãs, na Várzea de Colares na Sexta-Feira, nos últimos voos do Outono de 2009

2 comentários:

greentea disse...

tanta vez que ai fui dar de comer aos patos quando a minha filha era pequena... e à Assafora também ...
ontem tinha restos de pão e fui deitá-los a outros patos num outro local , mas igualmente numa ribeira onde estes patos se instalaram

pedro macieira disse...

greentea,
A fauna do Rio das Maçãs, é composta especialmente por este enorme bando de patos que animam a Várzea de Colares, muito acarinhados por todos que tem a sorte de viver por estes lados.

Também já tive a oportunidade de fotografar uma Garça Real.

São também um óptimo motivo para fazer umas fotos.
Um abraço