sexta-feira, agosto 24, 2012

Em Defesa do Serviço Público de Televisão

Photobucket A 15 de Dezembro de 1955 dava-se cumprimento ao disposto no artigo 1º do Decreto-Lei nº 40 341. Por escritura assinada no gabinete da direcção da Emissora Nacional de Radiodifusão “ficou definitivamente constituída, por iniciativa do Governo, uma sociedade anónima de responsabilidade limitada, com sede e domicílio na cidade de Lisboa, sob a designação de RTP - Radiotelevisão Portuguesa, SARL, que se iniciou com o capital mínimo previsto na lei, no montante de 60 milhões de escudos, divididos em terços que couberam ao Estado, às emissoras particulares de radiodifusão1 e ao público - esta parte a subscrever em acções de 1 000 escudos, pelas quais se tornaram desde logo responsáveis várias instituições bancárias.
(de um texto RTP)

Photobucket
 Foto de uma das primeiras emissões da RTP dos estúdio provisórios da Feira Popular,também já extinta num governo presidido por Santana Lopes.

 Museu RTP -aqui

*Fotos  RTP

Sem comentários: