sexta-feira, junho 14, 2013

Acácias do Parque da Pena transformadas em castiçais

O violento temporal que assolou Sintra em 19 de Janeiro, provocou  a queda de mais de duas mil árvores.A madeira das acácias caídas durante o temporal  deu origem à criação de uma linha de  castiçais -as receitas das vendas destes castiçais será utilizada na recuperação do Parque da Pena. photo Temporal_ParquedaPena2013_zpsf0fe50b6.jpg   Foto PSML, Janeiro 2013

"No seguimento do violento temporal que assolou Sintra a 19 de janeiro, e que derrubou mais de 2.000 árvores nas áreas sob gestão da Parques de Sintra, causando prejuízos que ascendem a 3 milhões de Euros, a PSML lançou, no Dia Mundial da Floresta (21 de março) um produto para venda em loja que foi desenhado especialmente para que as receitas das suas vendas apoiem a recuperação do Parque da Pena (área mais afectada pelo temporal).
  A madeira das Acácias caídas foi cortada e retirada do Parque, seguindo para serração, onde foi transformada em tábuas e posteriormente torneada com o objetivo de ganhar a forma final – castiçais. O design é da autoria de Gonçalo Prudêncio, convidado pela Parques de Sintra para participar neste projecto. Gonçalo Prudêncio trabalha frequentemente com base no design sustentável e, para a Parques de Sintra, desenhou quatro tipos diferentes de castiçais, com a particularidade de poderem ser usados em conjunto, encaixando perfeitamente uns nos outros.
Na base da peça, está inscrita a laser uma referência ao temporal, marcando assim o acontecimento. A sustentabilidade ambiental está ainda presente na embalagem, fabricada integralmente em papel reciclado."
Texto PSML
 photo Castical_ParquesdeSintra_zpse8913fc5.jpg Foto PSML

1 comentário:

Anónimo disse...

Já os vi. São bonitinhos...mas, de tanta árvore não seria viável fazer mais coisas? Mais representativas da sua origem?
Até eventualmente um desafio à comunidade para criar algumas peças?