quarta-feira, agosto 12, 2015

Olhar para Sintra II

PVila22052014blogjpg.jpg
"O velho alcaçar mourisco, esfumando o seu perfil de lenda  no azul claro do céu, lá fica recostado no fundo verde escuro do arvoredo circundante, como  uma jóia estranha sôbre o  seu escrínio de veludo secular."
 Oliva Guerra/Roteiro Lírico de Sintra/1940

Post relacionado:
http://riodasmacas.blogspot.pt/2015/08/olhar-para-sintra.html

Sem comentários: