quinta-feira, agosto 26, 2010

O flagelo dos incêndios atingiu Monserrate

Photobucket
Durante o ataque ao incêndio de Monserrate por um helicóptero Kamov

Incêndios em Monserrate e Quarteira (Sabugo)
Durante a tarde (14H42),de hoje deflagrou um incêndio em Quarteira zona rural com habitações, em zona de plantações agrícolas, e foi combatido por 161 homens, 49 veículos e um helicóptero. Foi dado como extinto às 18H00.

Quase à mesma hora (18H24),deflagrou outro incêndio em Monserrate, no Parque Natural Sintra Cascais, o que obrigou que os meios utilizados no incêndio de Quarteira fossem deslocados para este novo incêndio.
Foi considerado extinto cerca das (19H35) e encontrava-se em rescaldo. Este incêndio terá queimado um hectare - na zona que é considerado a “Jóia da Coroa” de Sintra.
Foram utilizados 117 Bombeiros de 4 Corporações e 35 veículos.

Photobucket

Photobucket
A coluna de fumo do incêndio em Monserrate vista de Colares

O incêndio em Quarteira (visto de Janas)

Photobucket
Photobucket

O Incêndio de Monserrate no telejornal da RTP



5 comentários:

Fatyly disse...

Tudo muito estranho e não haver "pena pesada e dura" para estes criminosos.

carol disse...

De incêndios em Sintra, só me lembro do de Setembro de 1966. Horrível! Verdadeiramente traumatizante!

pedro macieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pedro macieira disse...

Parece inevitável, quando aumenta o calor surgem sempre incêndios. Desta vez também Monserrate foi vitima desta praga de incêndios.Um hectare queimado naquele local da serra é preocupante - aguardo mais informações sobre a área queimada. Monserrate, como a Tapada D.Fernando II nos Capuchos sofreu recentemente uma intervenção da PSML,na tal luta contra as espécies infestantes, e grandes desbastes, justificado pela necessidade de evitar incêndios.
Abraços

Anónimo disse...

Na Terça-feira, a RTP esteve em directo de Seteais. Houve muita conversa, alguma para passar o tempo.
Também um certo desafio aos bandidos, do tipo estamos atentos e não os tememos.
Na Quarta-feira, houve a resposta.
Enquanto a Justiça for esta...