terça-feira, novembro 06, 2012

Visita à Várzea de Colares

varzeadeColares1-1 A Várzea de Colares no "Boletim Photographico" nº75 de Março de 1906Photobucket Várzea de Colares num fotograma do documentário produzido pela Caldevila Film em 1922

Viagem a Colares em 1907
 “Tornando á estrada , segue para Collares, formosa villa por onde corre o rio das Maçãs, situada sobre duas collinas, tendo , no valle, a encantadora varzea. Dista de Cintra 6 kilometros. Doada por D.João I, ao condestável D.Nuno Alvares Pereira, foi passando aos diversos descendentes , ficando por ultimo patrimonio da Casa Real. A varzea que se segue desde a Ribeira até ao Oceano, é rica de vegetação, tendo uma grande profusão de árvores de fructo e para terrenos de vinha.A sua perspectiva é deliciosa, e para a gosar, segue-se rio abaixo, n’um elegante barquinho, sob uma verdura, d’uma aragem fresca”
Excerto do Guia do Viajante em Portugal e suas Colonias em africa –(Empresa Nacional de Navegação) publicado em 1907
*Ortografia e acentuação conforme ooriginal

2 comentários:

Graça Sampaio disse...

Muito bonito!

pedro macieira disse...

Graça,
A Várzea de Colares é quase um oásis sintrense.
Abraço