quinta-feira, novembro 14, 2013

Um olhar pela biodiversidade


Aproveitando um dia de sol deste  "verão de S.Martinho" , olhámos com mais atenção à nossa volta aqui no Mucifal/Colares. O resultado foi este post.

IncensoLagarticha2013blogue IncensoAbelha2013cBlogue

  Planta-do-incenso, lagarticha,abelha

Planta-do-incenso (Plectranthus coleoides)


Também conhecida como Falsa-hortelã, Planta-vela
Planta perene originária da Índia, pertencente à família Lamiaceae. É uma planta rasteira de uso paisagístico difundido em vasos e jardineiras como planta pendente.

O forte cheiro exalado empresta-lhe a alcunha “planta-incenso”, especialmente nas colonias italianas, onde é utilizada para esse fim, como espanta mosquitos.

Por se tratar de uma planta de meia-sombra, que se adapta bem ao cultivo em vasos e não necessitar de maiores cuidados, é recomendada para uso em ambientes internos.

Quem mora em apartamento e quer animar o ambiente com um toque verde, sem ter que ar

Trata-se de uma herbácea perene de até 20 cm de altura, com folhagem densa, assumindo, por vezes, característica variegata. As folhas são dentadas e as flores, branco-leitosas. Tolera baixas temperaturas.

Encontrado aqui:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.481956195216439.1073742140.116370968441632&type=1

*

A Lagartixa-ibérica é um pequeno lagarto comum em muros, montes de pedras e ruínas, onde encontra abrigo. Com uma coloração muito variável, possui cabeça achatada e órbitas salientes, que são características diagnosticantes da espécie.

*
Uma abelha visita dez flores por minuto em busca de pólen e do néctar. Ela faz, em média, quarenta voos diários, tocando em 40 mil flores. Com a língua, as abelhas recolhem o néctar do fundo de cada flor e guardam-no numa bolsa localizada na garganta.

1 comentário:

Fatyly disse...

Que magnífico post...e por vezes salvo tantas lagartixas das gatas da minha filha:)

As abelhas são obreiras e belas embora eu não goste do seu produto final: mel...grrrrr:)