terça-feira, março 11, 2014

O 1º Encontro da Canção Portuguesa 40 anos depois


Em 29 de Março de 1974, (um mês antes do dia 25 de Abril, que mudaria tudo), num país onde existia uma ditadura, um único partido politico, uma policia politica, não havia liberdade de expressão e reunião, presos politicos, a censura  que  controlava tudo que era publicado, também não permitia que as canções de Zeca Afonso fossem transmitidas, uma guerra colonial que se arrastava há treze anos, aconteceu um espectáculo no Coliseu  -"1º Encontro da Canção Portuguesa", que juntou 5 mil espectadores, que para entrarem no coliseu tiveram que passar entre alas da policia de choque - e que  ficou na memória de todos que lá estiveram. Quarenta anos depois, um convite para regressar ao mesmo sítio.

 Vitorino,José Jorge Letria,Fausto,José Barata Moura,Zeca Afonso e Adriano Correia de Oliveira

 Notas sobre o espectáculo do Coliseu há 40 anos

"Estavam lá, não sei se já vos disse, 5 mil pessoas. Eram 10 horas, passavam 30 minutos da hora prevista para o começo do espectáculo, e a festa havia começado. Cantava-se em coro Canta, Canta, Amigo  Canta...
(...)
 Carlos Paredes  Guitarra foi recebido com gritos isolados de : Tira a gravata. pá. Mas veio a música e aquela sim...
(...)
E entrou, /De pé como um poeta ou um cavalo/, José carlos Ary dos Santos. Entrou no palco entre assobios e aplausos. Eu venho cá dizer poesia. Se não gostarem manifestem-se no fim.
(...)
No coliseu, o climax veio em grupo:
José Barata Moura, Intróito, Zeca, Zé Jorge letria,Adriano, Tordo,Freire.
Entraram todos, sentaram-se  no chão e começou o desfile.
(...)
Quando depois de Adriano acabar  de cantar (Canção de Emigração e Canção de Lágrimas), José Afonso se aproximou do microfone, as palmas rebentaram.
Venho aqui cantar uma canção a GRÂNDOLA, disse Zeca.
Cerraram-se as luzes, e toda a sala, todos os 5 mil de pé, entoaram  em coro os versos da canção. Braços dados corpos  balanceando, pés batendo no chão..."

Foto e excerto de um texto de Mário Contumélias, escrito em 6 de Abril de 1974, 20 dias antes da revolução de 25 de Abril -.Revista Cinéfilo nº27 6-12 Abril de 1974

Sem comentários: