quinta-feira, novembro 04, 2010

O estado do Orçamento

Photobucket
Foto DN
Revista de Imprensa

Photobucket


Talvez nestas notícias algumas justificações para o/os défices:


"O PSD é o partido que maior número de empresas municipais gere. No final de 2009, segundo números oficiais, cada câmara social-democrata tinha 1,2 empresas ou serviços municipais na sua esfera de influência – contra as 1,1 empresas nas mãos do PS, noticia o Jornal de Negócios na sua edição de hoje.

Os últimos dados divulgados pela Direcção-Geral das Autarquias Locais indicam que no final do ano passado existiam 312 empresas municipais e serviços municipalizados para 308 autarquias. Destas, 162 eram geridas por autarquias do PSD (coligado ou sozinho) e 142 estavam relacionadas com o PS, informa o mesmo jornal."
No Jornal Público online de 3/10/2010

"Os seis blindados comprados por cinco milhões de euros para serem utilizados na Cimeira da Nato, nos dias 19 e 20 deste mês, em Lisboa, não devem chegar mesmo a tempo da reunião. "

No jornal Púbico de ontem

"Man Ferrostaal admite repor 4,8 milhões de euros da garantia
Advogado dos três gestores alemães falou ontem na possibilidade de voltar a depositar parte da garantia bancária respeitante ao negócio

O advogado dos três gestores alemães da Man Ferrostaal, acusados de burla qualificada e falsificação de documentos, admitiu ontem, no Tribunal Central de Instrução Criminal, em Lisboa, durante o debate instrutório do caso, a possibilidade do consórcio que vendeu os dois submarinos a Portugal repor parte da garantia bancária de 121 milhões de euros relativa às contrapartidas, mais precisamente 4,8 milhões retirados devido aos negócios que estão a ser julgados."

No Público de ontem

"Buraco no BPN chega aos 1800 milhões de euros
CGD já injectou 1400 milhões de euros desde Novembroaté Janeiro, mas os depositantes estão a "fugir" do banco"
No Jornal de Notícias

"BPN deu 80 milhões sem garantias
"Luís Duque, advogado, actual vereador da Câmara de Sintra e ex-presidente da SAD do Sporting, foi ontem constituído arguido pela PJ e notificado para ser ouvido no Tribunal Central de Instrução Criminal, por suspeita de burla qualificada, corrupção e fraude na obtenção de empréstimo. "
No Correio da Manhã


Photobucket
Do editorial do "Correio de Sintra" de 29 de Outubro de 2010:

"A palavra de ordem passa por apertar o cerco aos bolsos frágeis da maioria de uma população que já se habituou a acordar e a deitar com a palavra "crise" na memória.Aperta-se o cerco ao reembolso do IVA, aos salários, às transferências para as autarquia e até a apoios sociais como o abono de familia.Aumenta o desemprego, a precariedade e diminui-se o subsídio de desemprego.O caos económico-social pode estar ao virar da esquina e os portugueses assistem com serenidade"

3 comentários:

Fatyly disse...

O Estado e todos os partidos políticos é de vomitar as tripas.

Todos roubam e o pior é que há muitos do povo que ajudam nesse gamanço, em forma de luvas, parcearias, empresas fantasma... a todos os níveis.

A degradação do povo é notória...mas ainda impera muita miséria que junta à droga...lá está...utilizam os fracos para obterem lucros e a prova das mil formas de matar um coelho...são as tampas das sarjetas e esgotos.

Enquanto houver associações e pequenas hortas familiares não há fome, o mal é muita gente ter virado igualmente dependente de sbsídios e feita uma revisão...quanta aldrabice havia...e nesta pessegada paga sempre o justo pelo pecador!

pedro macieira disse...

Existem actualmente cerca de 2 milhões de portugueses que se enquadram na categoria de pobres - e vemos todos os dias comentadores de serviço (normalmente bem na vida),nos jornais e tV´s com afirmações de grande pessimismo para os próximos tempos - exigindo que todos tem que "poupar" mais...
Depois vemos as paragonas dos jornais, que nos deixam de boca aberta: Milhões e Milhões de lucro nos bancos que foram "ajudados" pelo estado" com o dinheiro dos contribuintes a quem também os banqueiros pedem que devem fazer mais sacrificios...e que estão a "viver acima das possibilidades"!
O Caso vergonhoso do BPP e do BPN, de que se fala menos que seria necessário em que mais uma vez não há culpados, e que são uma das razões dos Milhões de Euros do défice...

Carlos Santos disse...

É um tema tão premente e os comentários são tão escassos!
A crise é só para o povo!
A GOVERNANÇA, esbanja a esmo, fala de austeridade mas é só da boca para fora.
Posso dizer de fonte segura que se fazem contratos de aquisição de produtos ainda mais caros e de qualidade superior, aos que até ao ano passado serviram para o dia a dia, tudo isto depois do anuncio das grandes medidas de austeridade, uma verdadeira vergonha!
Nós, pobre povo que ganha sempre o mesmo salário (os que ganham), não podemos fugir aos impostos, temos que procurar não cometer loucuras para ter a cara lavada.
Isto queria tudo uma auditoria, daquelas bem feitas, mas tínhamos que mudar de Justiça, e naturalmente para que a mesma produzisse efeito, teríamos que mudar de país porque aqui já não há cura possível. Os ladrões vão para casa em liberdade, mesmo que apanhados em flagrante.
Isto é tudo uma fantochada!
Caso BPN, só um fulano preso, passou os bens para a mulher, e fica tudo por aí mesmo! O Dias Loureiro foi para Cabo Verde gozar dos rendimentos, era chato prender o compadre do presidente da República, só este roubo pagava um Aeroporto, ainda há o BPP, o BCP, o filho do Administrador levou milhões que esbanjou sabe-se lá como, foi a tribunal perdeu recorreu e ganhou!?
Caso FACE OCULTA, só fica dentro o sucateiro, é o principal arguido, então e os outros que tinham o dever, a obrigação de governar?, esses deviam estar lá também a malhar, e com penas máximas!