terça-feira, julho 23, 2013

A Nova Praia Grande

PraiaGrande22072013kBlogue

Graças às marés baixas  deste ano, a Praia Grande tem tido nas últimas semanas um extenso prolongamento  do  habitual areal - permitindo a descoberta de um paraíso natural, emoldurado pelas milenárias arribas,  maravilhosamente esculpidas pela natureza. Um paraíso de cores e verdes lagoas, que até agora ninguém suspeitaria que por ali, se pudesse alguma vez encontrar.

PraiaGrande22072013hBlogue
PraiaGrande22072013mmmblogue PraiaGrande22072013mmmmmBlogueJPraiaGrande22072013mmmmmmBlogue PraiaGrande22072013yBlogue J PraiaGrandeMergulho2013Blogue
PraiaGrandeBlogue22072013mmmmmm

Praigrande22072013fBlogue
Foto de ontem, 22/07/2013

38 comentários:

BRUXA disse...

Lindissimo!!!!

Catarina disse...

Que paraíso! Como é que se chega lá?

João Luz disse...

UAU! Como posso lá chegar? Estando na praia das maças ou na grande ou em colares. Aguardo feedback. Grato pela informação

pedro macieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pedro macieira disse...

Para aceder à zona das fotos na Praia Grande -é necessário ir até ao limite sul da praia e contornar a falésia que que é o limite "natural" da praia e desde que a maré permita, desfrutar este novo paraíso, que segundo parece pelo menos há 40 anos que ninguém se lembra de ter visto. As fotos de ontem foram feitas a partir das 19h00.
Cumprimentos

R.Martins disse...

Espectacular , Grandes Fotos !
Parabéns Vizº.Pedro !
Um Abraço !
R.M.

pedro macieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pedro macieira disse...

Caro Raúl,
Obrigado pelo seu comentário. É uma sorte desfrutar de um fenómeno natural, como este da Praia Grande -que segundo parece não existe na memória das gentes desta região - mas será um assunto a investigar. Pelo menos recuando 40 anos ninguém se lembra de uma situação destas na Praia Grande.
Abraço

Hélio Cristóvão disse...

Condições excecionais, paisagens soberbas !

dreamer disse...

Brutal! há hipoteses de dar ou coordenadas GPS ou indicar o ponto no google maps? gostaria de marcar no meu gps de puslo para passar por la numa caminhada... obrigado!

Anónimo disse...

Eu já a vi assim e tenho 60. E há uns 20 também houve uma marés muito baixas que se passou para a Adraga a pé.

Joanne disse...

Que lindo! Que sorte tiveste em encontrar este sitio maravilhoso:)

pedro macieira disse...

dreamer,
Não tenho neste momento hipótese de informar das coordenadas mas tentarei faz^-lomais tarde.
Cumprimentos

pedro macieira disse...

Obrigado pelas visitas e comentários.
Repito a informação de comentário anterior sobre a localização do local das fotos, conhecido como Galé e Lagoa zona que é um pesqueiro conhecido dos pescadores daquele local:
Para aceder à zona das fotos na Praia Grande -é necessário ir até ao limite sul da praia e contornar a falésia que que é o limite "natural" da praia e desde que a maré permita, desfrutar este novo paraíso, que segundo parece pelo menos há 40 anos que ninguém se lembra de ter visto. As fotos de ontem foram feitas a partir das 19h00.

alcatruz disse...

Atenção às marés! O que desce sobe e há sítios que se torna difícil voltar. Muita atenção.

Anónimo disse...

O Sr. Fortunato e outros banheiros e pescadores mais velhos que conheci contavam que há muitos anos (antes da construção do hotel/piscina) um cenário assim era frequente, razão pela qual chamavam "lagoas" à zona entre a Praia Grande e a Adraga. Agora compreendemos finalmente o porquê do nome.

Paulo Rodrigues

Anónimo disse...

Queres dizer entre a Praia Grande e a praia da Adraga?

Unknown disse...

Obrigado por partilhar este pedacinho de Portugal que eu desconhecia.

Raquel Poderosa disse...

A que horas é que fica assim ? Ainda está assim ?

Anónimo disse...

Já não está assim. As lagoas foram tapadas, durante a última maré alta, com areia que o próprio mar repôs.

Anónimo disse...

Em miúda vi a Praia assim, mas realmente ainda não tinha sido construída a piscina, havia o Hotel das Arribas, que depois deixou de ser, e deu o nome às piscinas do mesmo dono o Sr. Alfredo Coelho, que também era dono do Restaurante Casa da Ponte e anexos com quartos, que ficavam do outro lado da estrada. Nessa altura a antiga ponte estreita ainda estava de pé.
Alfredo Coelho, homem simples mas com visão foi o grande impulsionador daquilo que é agora a Praia Grande.
sintrense

Anónimo disse...

Parabéns pelo post pelas visitas e obrigada pela sempre actual e oportuna informação.
sintrense

Patrícia santos Pereira disse...

Que paisagem!!! Grata pela partilha. :)

Hugo Teixeira disse...

Isto fica entre a Praia Grande e a Adraga. Cuidado com as Mares como ja foi referido. Nao foi a 20 anos, mas pouco falta que aconteceu isto. Eu lembro-me, tinha 14 anos e passei a noite em casa dos meus tios para irmos ao mechilhao na manha seguinte. A Mare nem se via. Aproveitem porque eu este ano ja nao devo chegar a tempo ja que estou emigrado e so volto em Setembro. :)

pedro macieira disse...

Obrigado pelos comentários e informações adicionais sobre as memórias de outras marés baixas na Praia Grande.
Ontem (24/07/2013) em que a Baixa-mar era às 22h30 -estivemos lá de novo às 21h00 e foi ainda possível observar as lagoas e a zona da Galé -Fotos que publicaremos durante o dia de hoje.
Também o interesse motivado por este fenómeno da natureza tem provocado um número de acessos fora do normal, neste momento só este post, já ultrapassou os 20.000 acessos.
Cumprimentos

Anónimo disse...

Quando se dá a conhecer um paraíso destes, acontece que se vai encher de gente que vai estragar o local e polui-lo.... eu costumo deixa-lo tal e qual como o encontrei, vou lá algumas vezes, só espero que não aconteça como o Pego do Inverno em Tavira, bastou ser divulgado pela net e hoje??? aquilo que era uma das atrações e maravilhas de Tavira passou a ser um deposito de lixo deixado pelos "Turistas" e curiosos...

Anónimo disse...

Voltei lá hoje na maré baixa (por volta das 11.20h), as lagoas estavam mais pequenas do que no domingo mas ainda lá estavam. Cuidado com a subida da maré, o mar parece estar a ficar mais forte.

Paulo Rodrigues

RC disse...

E coordenadas deste local nao se arranja?

Anónimo disse...

QUE MARAVILHA...UM PARAÍSO !!!!!

pedro macieira disse...

RC,
As coordenadas do local,atrvés do Google Map:

38.809617,-9.481938

Cumprimentos



Fátima Constanço disse...

O paraíso tão perto! Maravilha!! Também quero ir lá, dar de beber á minha alma. E, prometo que vou preservar, por nós e pelas gerações futuras. Obg pelas fotos.

pedro macieira disse...

Fátima Constanço,
Obrigado pelo seu comentário.
Sei que hoje (Sábado 27/07)a "nova" Praia Grande já terá algumas alterações nas lagoas derivado da areia que as marés têm trazido, mas penso que na maré baixa, embora com alguma precaução -ainda será possível observar uma parte do que a natureza deixou agora aparecer.
Cumprimentos

Anónimo disse...

O cenário que se encontra no sector Sul da Praia Grande, deve-se à persistência da ondulação de WNW alternada com WSW, de pequena vaga. Não tem a ver com as marés, pois essas acontecem 4 vezes por dia todo o ano. O cenário "normal" é a ausência de areia naquela zona; em Setembro de 1992 esteve assim durante uma semana. Basta mudar a direcção e altura da ondulação, para que aquele "fenómeno" desapareça.

Anónimo disse...

boas eu so tenho ferias na ultima semana d agosto acham k ainda da para assistir a esta maravilha??
e pelo k percebi so ao fim do dia é k dá para atrevessar k é qd a maré baixa ou seja so por volta das 18h digo eu... e a k horas podemos voltar?
agredecia mais detalhes pa poder ir em segurança....

pedro macieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pedro macieira disse...

Anónimo 8:10, Anónimo 10:05,
Obrigado pelo comentário explicativo, sobre as causas do fenómeno natural dos últimos dias na Praia Grande.
Quanto ao tempo que se pode prever para que este bocado de "paraíso", possa ser ainda visitado -a qualquer momento aquela zona Galé e Lagoas irá ficar coberta de novo pelas águas do Atlântico. Actualmente na maré baixa ainda será possível visitar alguma parte do que a natureza permitiu embora já com algumas limitações e menos segurança.
Cumprimentos

Anónimo disse...

Lindo!

Pena que o português vai estragar em 3 tempos. Lixo e banhos vai destruir o motivo por que elas são verdes

teresa gonçalves disse...

Obrigada conterrâneos estou fascinada e sem palavras...sendo eu uma apaixonada pelas minhas origens e não saber deste acontecimento natural e único na praia grande eu que adoro dar a minha voltinha saloia!!! E fazer escala na praia grande para comer uns caracois e uma imperial para me refrescar da viagem de cascais a Sintra! Mas ainda não sabia deste milagre da natureza ao qual muito me orgulho de ser próximo do berço que me viu nascer!!! tenho que ir contemplar esse Paraíso. Para todos os meus conterrâneos aqui deixo o meu abraço e Bem Haja A NOSSA TERRA É UM TESOURO.