domingo, julho 21, 2013

Exibição em Inglaterra da Escola de Arte Equestre

BlogueAlterPQ20130508m

 – A Escola Portuguesa de Arte Equestre vai apresentar-se, de 22 a 25 julho, no Royal Welsh Show, para 8 apresentações naquela que é a maior feira de agricultura do Reino Unido, e uma das maiores da Europa.
Esta feira, que recebe anualmente cerca de 200.000 visitantes, apresenta os melhores exemplares do gado galês, mas engloba também entretenimento de alta qualidade. Este ano o principal destaque é apresentação da Escola Portuguesa de Arte Equestre. Em resposta a este convite a Escola apresentará números como o Rédeas Longas, o Solo, o Pas de Trois, o Carrossel, a Picaria Real e, pela primeira vez, a recriação dos Jogos da Corte.
 Estes jogos, com origem na cavalaria de guerra, popularizaram-se entre os séc. XVI e XVIII nas academias equestres. Servem para testar a educação e obediência do cavalo, bem como a perícia do cavaleiro, funcionando como treino para a guerra. O último torneio real teve lugar em Lisboa em 1795, mas a prática para entretenimento manteve-se na Europa. Alter20130508Blogue

Nestes espectáculos será já utilizada a nova seleção musical, feita em parceria com o Maestro Massimo Mazzeo (Divino Sospiro), e que pretendeu, após a análise dos passos apresentados, rever a música do séc. XVIII, que permite ter diferentes momentos musicais e rítmicos ao longo do espectáculo. A presença da Escola Portuguesa de Arte Equestre em apresentações internacionais é essencial para a divulgação e cumprimento da sua missão, que é fundamentalmente a promoção do Cavalo Lusitano e da equitação tradicional portuguesa.

Adaptado de um texto da PSML

Alterblogue Fotos no Palácio de Queluz em 9 Maio de 2013

* A Escola Portuguesa de Arte Equestre, sediada nos jardins do Palácio de Queluz, foi fundada em 1979 com a finalidade de promover o ensino, a prática e a divulgação da Arte Equestre tradicional portuguesa. Recupera a tradição da Real Picaria, academia equestre da corte portuguesa do século XVIII, que usava o Picadeiro Real de Belém, hoje Museu Nacional dos Coches, e monta exclusivamente cavalos lusitanos da Coudelaria de Alter. Em Setembro de 2012, a gestão da Escola Portuguesa de Arte Equestre foi entregue pelo Governo à Parques de Sintra – Monte da Lua, juntamente com a gestão dos Palácios Nacionais de Sintra e Queluz.

Sem comentários: