domingo, julho 19, 2015

Clima Sintrense

PPenaPrinc1707201502blog.jpg
*Foto na última sexta-feira 17/07/2015 - semana com Sintra envolvida no tradicional nevoeiro de Verão

Memórias históricas do Palácio da Pena
"Edificio da Pena-visita-se todos os dias e a toda a hora sem bilhete , só o parque e a egreja.Para vêr o palacio, é necessário um bilhete da Administração da Caza Real. Estando S.S.M.M. reinantes, que alli permanecem durante algum tempo da estação de verão , só é permitido vêr o parque. "

No Guia do Viajante em Portugal e suas colónias em Africa".
Ed.Empresa Nacional de Navegação-1907



"Um facto recente trouxe para as discussões do parlamento e da imprensa o palácio da Pena que pertenceu a el-rei D.Fernando, e que faz parte do espólio d'este principe.

Esse facto foi a proposta que o governo apresentou em côrtes para a compra d'este palácio aos herdeiros de D.Fernando, incorporando-o nos bens do Estado e com uso-fructo para a corôa.

Essa proposta foi aprovada e reza assim:


Art. 1º É o governo auctorizado a adquirir total ou parcialmente para a nação as propriedades que pertenciam a sua majestade el-rei D.Fernando, em Cintra, devendo entrar n'essa acquisição o palácio e o castello da Pena, o parque adjacente, e o castello dos Mouros por preço não superior ao valor que lhes foi arbitrado no processo orphaneológico de inventário a que se procedeu por óbito do mesmo principe e pagos em titulos de divida consolidada na posse da fazenda, pelo valor do mercado.
(...)
Estas propriedades no inventário foram avaliadas em trezentos e dez contos de réis, valor estimativo, pois que ellas nada produzem e antes demandam de um costeio annual de desasseis contos de réis."

Revista “Occidente” de 21 de Junho de 1889

*Nota do blog:Ortografia conforme os originais

Sem comentários: