quarta-feira, junho 02, 2010

O Eléctrico da Praia das Maçãs

O Jornal Correio de Sintra, Nº5 de 1 de Maio de 2010, publicou um texto , transcrito do blogue: "Chá de Sintra" (http://chadesintra.blogspot.com), referente ao eléctrico da Praia das Maçãs, que mereceu da minha parte com pedido de publicação o seguinte texto de resposta, publicado na edição seguinte de 19 de Maio e 2010:
Photobucket
Em número anterior já tinhamos publicado no mesmo jornal, um texto sobre o eléctrico que pode ser lido aqui

7 comentários:

Anónimo disse...

Só uma achega:
Refere-se "charretes" ... em Sintra sempre foram TRENS, soa-me ao mesmo que tirar o barulho do típico eléctrico.
sintrense

pedro macieira disse...

Sintrense,
Agradeço a achega...que me permitiu um consulta às duas definições no Priberam:

charrete
(francês charrette)

s. f.
Carro ligeiro de tracção!tração animal, de duas rodas e varais.

trem
Veículo de tracção!tração animal. = CARRUAGEM, SEGE

Um abraço

carol disse...

Muito bem, caro Pedro Macieira! Concordo absolutamente com o artigo que enviou para o jornal. Ainda não fui ler o blog "Chá de Sintra" mas nada de palhaçadas da Disney (com o devido respeito, claro!) com o eléctrico da Praia das Maçãs. Quanto mais próximo do que era no século passado mais genuíno e mais belo e mais romântico!

Anónimo disse...

Os comentários ao artº. do chá das "tias" inda são piores que o Artigo !

Anónimo disse...

O último comentário introduzido por Valdemar Alves, sobre o assunto do eléctrico no blogue "Chá de Sintra", está muito interessante. Vale a pena ler.
ereis

Anónimo disse...

Prezado Pedro
Parabéns pelo seu artigo em prol do Eléctrico de Sintra, em resposta a um post com muita falta de rigor histórico e técnico, que comentei em devido tempo. Aproveito para o informar que os carros eléctricos retomam a sua circulação até à Praia no próximo dia 18, circulando às sextas, sábados e domingos. De segunda a quinta-feira continuarão a decorrer as obras. Cumprimentos. Valdemar Alves

Fatyly disse...

Li o artigo e os comentários do "Chá de Sintra", bem como tenho aompanho a tua defesa em prol de algo tão pitoresco, que a meu ver deveria ser desde a estação de Sintra, embora já é bom partir de onde parte.

Fiquei feliz pela informação de Valdemar Alves, "retomam a sua circulação já no próximo dia 18".

Queria no entanto chamar a atenção para uma tremenda armadilha que existe: no sentido Sintra-Praia das Maçãs, mal sai, mais abaixo começa uma curva e como há uma entrada para um pequeno parque de estacionamento público ou privado, existem semáfores nos dois sentidos, mas quando vimos no sentido da P.Maçãs para Sintra, o semáforo é pouco visível, sobretudo o que está em cima, numa altura dantesca e com o vento é tapado com a ramagem.

AGORA NÃO VÃO PODAR A ÁRVORE BEM AO ESTILO DO CRIME QUE TEM SIDO PRATICADO EM QUASE TODO O CONCELHO!