quinta-feira, janeiro 19, 2012

Supremacia

Patos2
Momentos no rio das Maçãs (Várzea de Colares), em que inexistência de qualquer solidariedade no bando, permite aos mais fortes comerem sempre mais - tal como na espécie humana.

Patos22

4 comentários:

Anónimo disse...

Esta nova leva além de "comerem tudo e não deixarem nada" são vampiros/sanguessugas.
sintrense

R.Martins disse...

E como diria o Poeta!Eles comem tudo e não deixam nada...
Abraço!

Graça Sampaio disse...

Coisa linda!!!

Fatyly disse...

Aqui ainda lutam de igual para igual bem diferente da espécie humana, mas é uma imagem que vejo e provoco frequentemente e bem que os tento enganar mas são muitos espertos:)