sábado, abril 10, 2010

Porque hoje é Sábado... (actualizado)

Photobucket
Alegadamente...


Alegadamente... (II)- um exemplo,(não ficcionado), que nem de propósito, surge do outro lado do Atlântico.
cidinhaCampoesBrasil
-Deputada Estatual Brasileira Cidinha Campos: "A corrupção deste País está no ADN!!"-ver aqui

Photobucket

Créditos:
-Foto de submarino no Tejo no início do séc.XX- Eugénio Germano Baptista
-Vídeo "Algo" via blogue "Prosas Vadias"
-"Submarinos Portuguezes"- Ilustração Portuguesa nº627 II série, de 25 de Fevereiro de 1918

4 comentários:

Fatyly disse...

O video está o máximo "algo, de algo, para algo"...tal e qual dentro de portas ou será Portugal sem portas? Como é óbvio são precisos submarinos porque temos uma vasta "zona de pesca", mas devido a "algo" mais parecem fundeados num lamaçal de trafulhices.

Quanto às ilustrações antigas, onde estarão o "Foca, Golfinho e Hidra"? hei-de pesquisar:)

Beijocas e um bom sábado

Anónimo disse...

ADOREI!!!!!!!!!
É uma mulher (ou muitas mulheres) assim que, Portugal precisa :-)))
Dulce P.

Fatyly disse...

Já tinha ouvido a Cidinha de Campos, ui, ui e pena é que não existam mais mulheres a porem a boca no trombone:):):)

Quando a ouvi, fez-me lembrar a deputada Odete Santos que também quando falava no parlamento ia tudo a frente:)

pedro macieira disse...

Uma história recente da justiça portuguesa:

O administrador da Braga Parques, Domingos Névoa, foi condenado ao pagamento de 5.ooo (cinco mil) euros por corrupção activa de acto ilicito.
Em causa atentativa de suborno (provado)do vereador da CML, José Sá Fernandes

o condenado Domingos Névoa,a seguir processou o advogado de quem tentou subornar.

Resultado:

"O advogado Ricardo Sá Fernandes foi hoje condenado pelo Tribunal de Braga a pagar dez mil euros de indemnização ao empresário Domingos Névoa por difamação agravada, ficando obrigado a pagar ainda uma multa de 3000 euros. Em causa estão declarações feitas pelo advogado ao semanário "Sol" em janeiro de 2007, apelidando o empresário de "corruptor e vigarista".
Expresso online

Uma prova que aqui e agora o crime compensa!
Abraços