quinta-feira, março 04, 2010

Caminhos de Colares

Photobucket

19 de Outubro de 1787

"O vale de Colares é para mim uma fonte de perene distracção.(...)
Esta manhã a grande suavidade da luz do Sol, e a atmosfera serena e embalsamada, infundiam no espírito aquela voluptuosa indiferença, aquele desejo de ficar como num paraíso, nessa mansão de delícias que nas ficções da fábula, se supunha fazia esquecer aos que provaram o lótus , a pátria, os amigos e todos os laços terrenos."

William Beckford, em "A Corte da Rainha D.Maria I"

4 comentários:

Fatyly disse...

Gostei de ler...e já apanhei sustos nesse vale encantado mas que alguns automobilistas gostam de borrar a pintura da paisagem.

Pedro disse...

Pois a mim lembra-me de subir até ao Penedo, deslumbrado com a belíssima vista.
Mas isso era antes deste altíssimo muro que guarda as perspectivas só para alguns.
De notar que um comum mortal, nesta zona, só pode subir qualquer espécie de muro até aos 0.80 de altura...

pedro macieira disse...

Fatyly, Pedro,
Também eu me lembro de quando esta zona(Penedo para Colares), não tinha o habitante que aumentou os muros e retirando a vista que até aí tinham todos que passavam e passeavam por ali, como destruíu o equilibrio urbanistico de Colares histórico, construindo sob vários embargos,e "sentenças" de demolição, um atentado urbanístico e ambiental que é a vergonha de Colares e do Estado de direito...
Na foto que publiquei tentei abstraír-me dos patos bravos que há por estes lados...
Abraços

Anónimo disse...

O muro quando foi levantado teve durante algum tempo a inscrição:
" A VISTA É DE TODOS", devem lembra-se disso ...