terça-feira, março 16, 2010

Não havia necessidade (II)

Photobucket

Photobucket

Continua a saga de "podas" ditas tradicionais em Sintra, que deixam as árvores neste estado. Desta vez em Colares.

Para melhor compreensão transcrevemos um comentário de Pedro Nuno Teixeira dos Santos da "Árvores de Portugal", sobre este bárbaro método de amputar árvores:

"Em rela­ção às podas no con­ce­lho: neste caso, e pelas infor­ma­ções de que dis­po­nho, trata-se de mais um caso simi­lar ao que ocorre em mui­tos outros muni­cí­pios do país; ou seja, dada a falta de regu­la­men­ta­ção no sec­tor, exis­tem gran­des empre­sas (flo­res­tais, de cons­tru­ção civil, etc.), sem a mínima com­pe­tên­cia em arbo­ri­cul­tura, a ganhar con­cur­sos públi­cos para a poda de árvo­res com base nos pre­ços bai­xos pro­pos­tos para o ser­viço. O resul­tado está à vista!"

Para ler e assinar a petição em defesa das árvores de Sintra -aqui

2 comentários:

Fatyly disse...

Um atentado...e subscrevo este teu post!

pedro macieira disse...

Fatyly,
É lamentável os processos de poda que se continuam a utilizar nas árvores, embora haja timidas reacções de alguns responsáveis,os resultados estão à vista.
Um abraço