quarta-feira, março 10, 2010

O Studebaker dos Bombeiros Voluntários de Colares

BombeirosColares20104
BombeirosColares20105
BombeirosColares20106
Na altura em que a Associação dos Bombeiros Voluntários de Colares, comemoram os 120 anos de actividade, contamos hoje a história do Studebaker, o pronto-de-socorro dos Bombeiros Voluntários de Colares, construído em 1950.
Apoiado num texto de António Caruna, em "Cem Anos Fazendo o Bem", publicado no ano do centenário do Bombeiros V. de Colares - sendo assim também uma homenagem a quem se dedicou a escrever a história de Colares, sendo ele próprio elemento activo do corpo dos Bombeiros de Colares, como 2ºComandante do Q.H e Secretário da Direcção, falecido em 19/11/2008.


BombeiroColares20106
Foto:o pronto-de-socorro, Studebaker, participando no Círio,do Litoral Sintrense de 2006

"30 de Maio de 1948- Festejou-se com natural alegria a chegada a Colares, do chassis da viatura Studebaker sobre o qual haveria de se montar o novo pronto-de-socorro, o primeiro pelo menos no Concelho de Sintra com cabine coberta...

26 de Março de 1950- A nossa associação viveu momentos de intensa alegria. Inaugurou-se o novo pronto-de-socorro Studebaker, perante numerosa assistência que se juntou no largo Dr.Carlos França.

(...)António Caetano Baptista Comandante da colectividade em festa, historiou a 'odisseia' da aquisição do novo veículo cuja ´pedinchice' a gregos e troianos , começou por magros tostões, em 1939. De migalha em migalha, de esmola em esmola - disse - foi possivel realizar os nossos sonhos dourados. A mais avantajada dádiva, então foi a do senhor Capitão Américo dos Santos que continuou a ajudar-nos o melhor que lhe tem sido possivel. A viatura (Studebaker BG explêndido), e todo o trabalho que aí estava patenteado ao público, havia totalizado a quantia de 135 contos, dos quais ainda deviam 20. Agradecia comovidamente, a todas aquelas almas generosas que o ajudaram a não morrer sem ver realizados os seus sonhos.
Agora porém, que eles estão cumpridos, surgiu outro contratempo -afirma: a nova viatura não cabe dentro da casa dos bombeiros, pela demasiada humildade desta. Portanto é necessário construir um quartel digno dos 60 anos de existência da nossa corporação, sempre pronta a comparecer onde quer que fossem precisos os seus serviços e os seus sacrifícios."

António Caruna
Associação dos Bombeiros Voluntários de Colares 1890-1990 "Cem Anos Fazendo o Bem"

Post relacionado:
O 118º aniversário do BV de Colares
O 119º aniversário dos BV de Colares

Sem comentários: